Transformação Digital

4 sinais de que é hora de investir em um novo projeto de TI

19/01/2021

Tempo estimado de leitura: 3 minutos

Observar propósito e resultados de um projeto de TI pode ajudar líderes a evitar falhas ou iniciar um novo investimento.

Toda empresa já passou por essa situação: um projeto de TI parecia atender às expectativas de todos e o time de negócios entendeu a importância de investir nele. Com o tempo, os indicadores-chave mostraram outro caminho: o resultado estava muito abaixo do esperado.

Quando, então, saber qual é o momento de finalizar um investimento em TI para evitar maior gasto de recursos, força de trabalho, tempo e vantagem competitiva? Desenvolver a habilidade de interromper um projeto é algo que todo líder de TI deve adquirir.

Como aponta o site CIO.com, ter essa noção requer uma combinação de insight, experiência e disposição para prestar muita atenção aos sinais de alerta. São eles que vão indicar se um investimento, até então promissor, pode brevemente ser enviado para o necrotério digital.

Abaixo, confira alguns sinais de que é hora de investir em um novo projeto de TI.

1. O projeto de TI requer constantes revisões

Os investimentos em TI envolvem riscos, mas geralmente são voltados para o futuro. “São feitos para criar opções digitais de maneira proativa para a empresa”, explica T. Ravichandran, professor de gerenciamento da cadeia de suprimentos do Rensselaer Polytechnic Institute.

No entanto, se o projeto não está totalmente estruturado e funcionando dentro de um período predefinido (geralmente entre seis meses e um ano), pode ser hora de repensar a estratégia e os objetivos da iniciativa, ou pular para o próximo.

Financiar um investimento de forma incremental, em vez de totalmente no início, pode ajudar a garantir o sucesso de longo prazo de um projeto. “Se marcos importantes forem atingidos … financie o próximo estágio, [ou] então espere”, sugere Ravichandran.

Outra vantagem de seguir este modelo, segundo Ravichandran, é que “frequentemente, neste contexto, a tecnologia pode evoluir e amadurecer mais rapidamente.”

Por outro lado, se todos os sinais apontam para decepção, Ravichandran aconselha verificar com os outros líderes quem podem estar patrocinando ou liderando o projeto antes de encerrá-lo. Pode ser possível resgatar alguns dos elementos funcionais do investimento.

2. O investimento foi baseado em uma premissa falha

Uma crença equivocada sobre o valor, custo, benefício ou consequência de um investimento pode facilmente condenar um projeto no início, explica Avery Lyford, diretor de atendimento ao cliente da Infostretch, uma empresa de serviços profissionais de engenharia digital.

“Às vezes você percebe que o benefício não é tão grande quanto parecia, ou que o custo das operações será maior do que você pensava, ou que uma suposição básica sobre seus clientes ou o mercado está incorreta ou mudou drasticamente”, comenta.

Às vezes, a realidade chega para obliterar até o planejamento mais cuidadoso. A pandemia de COVID-19, por exemplo, jogou muitas estratégias empresariais na lixeira. Por exemplo, se a expectativa era atualizar os sistemas internos, agora é preciso reavaliar se isso ainda é válido.

3. O projeto desviou muito do curso

As indicações de que um investimento parece estar se distanciando de seus objetivos é uma grande bandeira vermelha, avisa Paul Rohmeyer, professor associado e diretor do programa de mestrado em sistemas de informação do Stevens Institute of Technology.

Os investimentos em TI são lançados para permitir ou dar suporte a objetivos de negócios específicos. “Qualquer indicação de que os resultados esperados do projeto podem estar desalinhados com os objetivos deve ser examinada de perto e o projeto reavaliado”, sugere.

Muitos fatores podem levar ao desalinhamento, incluindo situações em que o desvio do projeto cria um sistema que funciona de maneira muito diferente – e não tão produtiva ou eficiente – como o originalmente imaginado.

Rohmeyer observa que qualquer decisão de encerrar um projeto deve ser ponderada e transparente. “Porém, tomada a decisão, o encerramento deve ser o mais rápido possível para interromper rapidamente os gastos e permitir que os recursos sejam reposicionados”, destaca.

4. O investimento não tem suporte significativo do usuário final

Um investimento deve entregar valor significativo para seu público-alvo. Quando um projeto de TI, antes promissor, gera pouco ou nenhum interesse do usuário, o projeto se torna um obstáculo desnecessário aos recursos da empresa.

“Não considere apenas quantas pessoas na organização estão usando atualmente, mas se esse número tem diminuído recentemente e se esse comportamento deve continuar assim”, aconselha Aviv Ben-Yosef, consultor executivo de TI e coach da Aviv Ben -Yosef Consulting.

Ben-Yosef observa que observar os indicadores-chave e fazer correções ao longo do caminho cria uma oportunidade para resgatar o investimento em falha. “Em vez de ser reativo e desligar algo quando já é tarde demais, você pode proativamente ‘patinar até onde o disco estará’”.

Principais destaques desta matéria

  • Projetos de TI podem ter sucesso, mas também podem apresentar falhas.
  • Por isso, líderes de TI devem conseguir enxergar os sinais de que é hora de investir em um novo projeto.
  • Confira 4 itens que devem ser considerados para evitar perda de tempo, orçamento e força de trabalho.

Compartilhe:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *