Como será o acesso dos funcionários aos dispositivos de uma empresa

Como será o seu acesso aos dispositivos da empresa em que trabalha?

Segundo a Gartner, empresas que já usam autenticação biométrica estão dispostas a centralizar a solução em aplicativos para smartphones.

Principais destaques:

  • Empresas que utilizam autenticação biométrica para acesso de funcionários planejam “simplificar” essa ação;
  • Gartner prevê que, até 2022, 70% dessas companhias vão fazer a autenticação biométrica por um app de celular;
  • Solução promete mais confiança, menor custo e melhor experiência do usuário;
  • Empresas devem ficar atentas à vulnerabilidade presente em smartphones;
  • Gartner avalia ainda que a adoção do modelo como serviço deve crescer até 2022.

Empresas que utilizam autenticação biométrica para o acesso de seus funcionários — seja o acesso ao prédio ou à infraestrutura de rede, por exemplo — estão mais dispostas a implementar a solução em apps para telefones celulares, independentemente do tipo de dispositivo em que a biometria será usada.

Uma previsão da consultoria Gartner mostra que, até 2022, 70% dessas companhias esperam usar essa solução de segurança. Em 2018, a fatia de empresas que tinham isso em mente era de 5%.

E quais são os motivos para esse aumento de interesse? A busca por uma solução de segurança que combine confiança (que a autenticação biométrica confere), custos menores e melhor experiência de usuário/consumidor (UX/CX).

“Implementar a autenticação biométrica via apps de smartphone dá mais consistência em UX/CX e é tecnicamente mais simples para dar suporte do que em diferentes tipos de dispositivos”

Ant Allan, vice-presidente de pesquisa da Gartner

Mas, alerta a consultoria, dada a vulnerabilidade dos smartphones é essencial que as empresas que estejam com esse objetivo em mente invistam também em soluções que evitem a invasão dos sistemas de autenticação biométrica com credenciais falsas.

IAM como serviço irá suportar essa demanda por autenticação biométrica

Para atender essa demanda por autenticação biométrica em aplicativos, a Gartner prevê que as empresas adotarão recursos de Identity Access Management (IAM) no modelo Software como Serviço (SaaS).

A estimativa da consultoria é de que, até 2022, 40% das grandes e médias empresas globais adotarão recursos de Identity Access Management no modelo as a service, contra 5% das que já faziam isso em 2018.

Mas adotar essa solução, pondera a consultoria, exige que as empresas já tenham estabelecido o IAM tradicional (em arquiteturas de aplicativo) com suporte satisfatório aos seus negócios.

As oportunidades em adotar esse modelo

A autenticação biométrica tem se tornado cada vez mais comum. É difícil atualmente um smartphone, por exemplo, ser lançado no mercado sem essa tecnologia.

Outro ponto importante é que a adoção dessa tecnologia permite que as funcionalidades sejam entregues na nuvem, reduzindo os custos da empresa em manter um servidor e em equipamentos para garantir a continuidade da biometria.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *