Inteligência Artificial

Inteligência Artificial: 4 setores que possuem maturidade com a tecnologia

28/05/2021

Tempo estimado de leitura: 2 minutos

Mercado de Inteligência Artificial deve fechar o ano de 2021 em US$ 327,5 bilhões. No Brasil, saúde, agricultura, indústria e recursos humanos estão à frente de outros setores no uso de IA.

As expectativas para a Inteligência Artificial (IA) são otimistas: uma análise da consultoria IDC mostrou que, para 2021, as receitas mundiais para esse mercado (inclui software, hardware e serviços) devem fechar com US$ 327,5 bilhões – crescimento de 16,4% em relação ao ano anterior.

“A pandemia empurrou a IA para o topo da agenda corporativa, fortalecendo a resiliência e a relevância dos negócios”, disse Ritu Jyoti, vice-presidente do programa de pesquisa em IA da IDC, ao site da própria consultoria.

A executiva afirmou que a IA, com os avanços em Machine Learning e à visão computacional, tem permitido as empresas a transformar as experiências dos clientes e de funcionários. Isso porque a tecnologia permite criar modelos de negócios convergentes e otimizar processos.

Falando especificamente do Brasil, 4 setores estão na vanguarda da inovação com a Inteligência Artificial. São eles: saúde, agricultura, indústria e recursos humanos, de acordo com uma publicação do site Whom.

FIQUE POR DENTRO: 3 iniciativas tecnológicas focadas em melhorar a qualidade de vida

Confira abaixo um resumo de como esses 4 setores no Brasil têm investido na Inteligência Artificial.

1. Saúde

Um relatório da KPMG, citado pelo Whom!, destaca que já são 60 startups brasileiras focadas em desenvolver soluções para o setor da saúde. Alguns casos de uso envolvendo a IA são o diagnóstico precoce de doenças e elaboração de remédios capazes de matar superbactérias.

A Onkos, exempli trazido pelo Whom!, é uma startup que criou uma solução para auxiliar diagnósticos incertos dos pacientes.

Recentemente, uma parceria da FAPESP com o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI) e o CGI.br anunciaram a criação de seis Centros de Inteligência Artificial — alguns deles terão foco no desenvolvimento de soluções para a saúde.

2. Agricultura

A agricultura é o setor responsável por 25% do Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro e a Inteligência Artificial é uma ferramenta relevante no fornecimento de insights baseados nos dados coletados.

Ainda mais quando, no campo, o agricultor ou o produtor conta com dispositivos conectados – que vão desde o maquinário até o smartphone. Esse ecossistema ajuda a determinar o momento certo de colheita ou a identificar o tipo de praga que acomete uma plantação.

3. Indústria

A Inteligência Artificial na Indústria 4.0 ajuda a automatizar diversos processos e a levar agilidade na tomada de decisão. Isso porque a tecnologia geralmente está embarcada em softwares e hardwares de Internet das Coisas (IoT), computação em nuvem e Edge Computing.

4. Recursos Humanos

Neste quesito, a IA pode ter dois casos de uso distintos: o primeiro é no auxílio da tecnologia no momento de recrutar possíveis profissionais para uma empresa. É o caso da Job Cam, empresa de recrutamento digital.

De acordo com o Whom!, a companhia tem um processo 100% digital em que a IA cria uma espécie de ranking, aproximando os profissionais que mais estão alinhados com os princípios procurados pelos contratantes da ferramenta.

Já o segundo caso de uso é para aprimorar a experiência dos colaboradores, algo que a Pin People realiza. A empresa usa IA para monitorar e cruzar os dados de seus times. Dessa forma, é possível desenvolver ações para melhorar o clima durante o expediente e até mesmo a produtividade.

Principais destaques desta matéria

  • Mercado de Inteligência Artificial deve crescer 16,4% em 2021, aponta a IDC.
  • No Brasil, 4 setores têm investido alto na tecnologia
  • Confira um resumo do que algumas empresas estão fazendo com a IA.

Compartilhe:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

NEWSLETTER