Logo Embratel

Tudo sobre TI, Telecom e Mobilidade

SD-WAN é tendência para empresas brasileiras, aponta a IDC

SD-WAN é tendência para empresas brasileiras, aponta a IDC

Principais destaques:
– SD-WAN é uma das principais tendências para o setor de TI em 2019;
– Expectativa, segundo a IDC, é que 40% das empresas adotem a tecnologia;
– SD-WAN é tema do primeiro episódio do podcast “O Próximo Nível da Inteligência” da Embratel.

A rede definida por software (SD-WAN, em inglês) é uma das principais tendências para o setor de TI no Brasil em 2019, como aponta relatório da IDC divulgado em fevereiro deste ano. A tecnologia garante o uso inteligente das conexões de dados e vai demandar mais ou menos recursos de acordo com as necessidades de cada negócio.

“O SD-WAN ainda possui baixa maturidade por aqui, mas os CIOs já entendem que as melhorias que a tecnologia pode causar na experiência do cliente pode ser um habilitador de novos projetos”, destaca André Loureiro, gerente de pesquisa e consultoria de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) da IDC Brasil.

Com expectativa de que 40% das empresas adotem o SD-WAN, segundo a IDC, a tecnologia foi destaque no primeiro episódio do podcast “O Próximo Nível da Inteligência”, projeto da Embratel que traz o jornalista e escritor Pedro Doria e o advogado Ronaldo Lemos, especialistas em tecnologia. Numa conversa informal, os dois apontam como a inovação ajuda a resolver o desafio de conectar de maneira eficiente matriz, filiais, fornecedores e clientes. Confira abaixo:

Vantagens do SD-WAN

Atualmente, redes corporativas são executadas via MPLS (Multi Protocol Label Switching, na sigla em inglês), que garente a troca de informações como e-mails, sistemas de gestão, videoconferências, transferências de arquivo, entre outros por meio de acesso dedicado. Isso reduz problemas de velocidade, escalabilidade e gerenciamento de qualidade de serviço (QoS).

Já o SD-WAN tem o diferencial de trazer independência e flexibilidade na transmissão de dados, características indispensáveis na busca por competitividade e produtividade nos negócios. Outras vantagens da tecnologia são agilidade na gestão de redes, possibilidade de usar serviços em nuvens públicas e privadas, controle da qualidade dos links e melhor desempenho dos aplicativos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *