Logo Embratel

Tudo sobre TI, Telecom e Mobilidade

Primeiro dia do MWC2019 e mais 4 destaques para você começar a semana bem atualizado

Primeiro dia do MWC 2019 e mais 4 destaques para você começar a semana bem atualizado

MWC 2019: 5G e o preço do espectro são destaques do primeiro dia.

O Mobile World Congress (MWC 2019) começou nesta segunda-feira (25) em Barcelona (Espanha). O primeiro dia do evento marcou o lançamento de um estudo conduzido pela GSMA — a organização que integra as operadoras móveis de todo o mundo — sobre o futuro da conexão 5G. Segundo o relatório, o 5G será responsável por 15% de todas as conexões mobiles (1,4 bilhões) até o ano 2025.  O evento de abertura questionou o preço do espectro para as faixas de 5G como problema para o desenvolvimento da conectividade. O diretor-geral da GSMA, Matt Granyard, citou que o preço das frequências pode ser uma barreira para o desenvolvimento da quinta geração: “a ganância (de governos e reguladores) no curto prazo pode matar o ouro que podemos alcançar no longo prazo.”

Empresas brasileiras estão investindo em transformação digital.

E elas estão procurando organizações especialistas neste tema para inovar em seus negócios, segundo o relatório Digital Business Transformation Brazil 2019, divulgado na semana passada pela Information Services Group (ISG). O estudo mostrou que essas empresas querem criar sistemas e melhorar a experiência dos usuários investindo em processo de vendas, design de produto, cadeia de suprimentos, gerenciamento de recursos humanos e outras funções. O documento da ISG propõe também a automação de ações por robôs e investimento em Inteligência Artificial para que ferramentas com essas inovações consigam aumentar a produtividade dos colaboradores.

Como reduzir a complexidade de uma infraestrutura de TI?

Esta é a questão levantada por um artigo no site CIO. O texto faz uma analogia das infraestruturas de TI com a evolução dos serviços bancários — que antigamente demandavam um gerenciamento individual para cada tipo de produto/serviço e que hoje estão agrupados, basicamente, em um aplicativo móvel. A publicação cita o desenvolvimento de uma interface unificada de gerenciamento para resolver as complexidades de um ambiente de TI (servidor, armazenamento e rede) e integrando todas as áreas. Com essa solução em prática, as empresas teriam acesso mais rápido às informações, possibilitando uma melhor tomada de decisão, conclui o artigo.

Rede de IoT móvel está presente em 49 mercados e o Brasil é um deles.

Segundo a GSMA, as redes celulares de Internet das Coisas – padrão LTE-M ou NB-IoT – foram ativadas por 50 teles ao redor do globo, somando 93 redes distribuídas nos continentes. Até o segundo trimestre deste ano, a GSMA espera uma cobertura de 93% dos maiores mercados de IoT no mundo. A expectativa é que, até 2025, existam 3,5 bilhões de conexões IoT de celular, sendo 1,9 bilhão de conexões LPWA, projetadas para suportar aplicações M2M (machine tom achine) com baixas taxas de dados, mas que exigem baterias de longa duração.

Sua empresa se relaciona bem com os seus clientes? Talvez não!

Uma pesquisa da Twilio mostrou que sete a cada 10 empresas acham que se comunicam bem com o seu público, enquanto apenas 2 de 10 clientes concordam com esta afirmação. Em 2019, os consumidores querem dialogar com as marcas assim como conversam com amigos e família. A adoção de aplicações machine learning e Inteligência Artificial pode ser uma solução para trazer um atendimento mais personalizado. Outro destaque do estudo é a utilização de mensageiros como WhatsApp, Facebook Messenger e Apple iMessage como novos canais para engajar esses consumidores com conversas em tempo real.

Crédito da imagem: GSMA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *